O Perfume Sauvage Parfum é uma nova interpretação extremamente concentrada de Sauvage, onde o frescor é extremo, com tons quentes coloridos e orientais cuja beleza feroz exige viver sobre a pele.   

Para homens de personalidade notável, cuja presença é ardente, o Sauvage Parfum é o perfume de uma nova fronteira: uma variação de aura enriquecida e inebriante que celebra a magia de amplos espaços abertos.


Sauvage Parfum é iluminado pelo estalar de mandarina suculenta e apimentada. As espirais inebriantes de uma fava tonka suave com aromas de couro e ameixas envolvem a sua aura dominada pelo toque precioso de sândalo do Sri Lanka.

Originário da plantação no Sri-Lanka, parceria de Dior há mais de 10 anos, o sândalo presente em Sauvage Parfum tem nuances ricas e qualidades excepcionais graças a métodos de cultivo muito específicos.
Difícil de cultivar, o início do seu crescimento é acompanhado e o sândalo é “libertado” em uma fase posterior numa plantação totalmente selvagem, onde a natureza retoma os seus direitos.
É neste universo áspero e natural, onde a mão do homem não intervém, que cada árvore continua o seu crescimento e luta para se desenvolver, até que algumas destas por vezes atinjam os 100 anos de idade e mais de 12 metros de altura!
É a esse custo que as suas qualidades olfativas únicas são formadas, ano após ano, para que ofereçam a essência rara, poderosa e rica do Sândalo presente em Sauvage.

O Perfumista-Criador Dior, François Demachy, inspirou-se nos espaços abertos sob uma noite azulada quando surgem os intensos aromas do estalar do fogo.

Notas: Bergamota e Mandarina de Reggio da Calábria, Cedro da Virginia e essência de Sândalo do Sri Lanka, Fava Tonka e absoluto de Baunilha da Papua Nova Guiné.